porque há heróis convenientes


o 25 de abril foi levado a cabo por um colectivo composto por unidade de planeamento e logística e unidades operacionais.

cada um cumpriu com a sua tarefa e tudo correu bem, porque bem planeado e executado pelo colectivo.

há no entanto um homem que agiu de forma individual e que, não sendo oficial, nem integrando o colectivo, poderia ter provocado um banho de sangue se tivesse cumprido as ordens que lhe foram dadas.

obrigado alves da costa, herói esquecido e soldado desconhecido do 25 de abril

parabéns zeca afonso


(porque hoje o zeca faz anos e nunca é demais repetir o que já escrevi em tempo)
amigo
serás sempre maior que o pensamento

tu que cantaste maio
e foi numa madrugada de abril
tu que foste a toupeira
e cantaste o sol e nos levaste a agarrá-lo

amigo
serás sempre maior que o pensamento
as tuas palavras a tua voz
são ainda tu aqui agora

sempre
duas sílabas um nome 
um grito uma canção um protesto
uma revolta um princípio 
uma alavanca um não desistir
aqui agora sempre

amigo
serás sempre maior que o pensamento
30 anos depois
não há depois
há o futuro todo

amigo
serás sempre maior que o pensamento

morreu otelo nuno romão saraiva de carvalho


muitos terão tido a ideia, alguns terão dado conteúdo ideológico, outros contribuído com a acção, mas só um tornou possível a concretização, através de um brilhante trabalho de planeamento e logística, otelo.

se o 25 de abril teve um herói e um líder foi otelo nuno romão saraiva de carvalho

https://www.record.pt/fora-de-campo/detalhe/morreu-o-capitao-de-abril-otelo-saraiva-de-carvalho
otelo!
nuno!
romão!
saraiva de carvalho!

era este o poema musicado
que corria pelas ruas
brotava das bocas que o sonho alimentava

no sonho que a memória
não deixa morrer
aos que não esquecem
nunca deixarão de ser

otelo!
nuno!
romão!
saraiva de carvalho!

Mulheres na Resistência (RTP2)


Episódio (1)

https://www.rtp.pt/play/p8770/e539090/mulheres-na-resistencia

Episódio (2)

https://www.rtp.pt/play/p8770/e539820/mulheres-na-resistencia

Episódio (3)

https://www.rtp.pt/play/p8770/e540072/mulheres-na-resistencia

Episódio (4)

https://www.rtp.pt/play/p8770/e540354/mulheres-na-resistencia

abril, a 25

abril, a 25


fotos de datas diversas, publicadas nos dias 24 a 28 de abril de 2021

aqui termina esta série de fotos, num ano em que não participei numa manifestação.

termina com a foto de uma criança, que hoje já andará na escola.

é delas o futuro, a nós resta-nos deixar o testemunho e assumir que é responsabilidade nossa o não ser melhor o seu presente.

vejo por aí muita gente a criticar a juventude e apetece-me comentar: mais uma geração de órfãos

25 de abril de 2020_5

25 de abril de 2020_5


Canto Moço
 
ahcravo_DSC_7754
 
 
Somos filhos da madrugada
Pelas praias do mar nos vamos
À procura de quem nos traga
Verde oliva de flor no ramo
 
Navegamos de vaga em vaga
Não soubemos de dor nem mágoa
Pelas praias do mar nos vamos
À procura da manhã clara
 
Lá do cimo duma montanha
Acendemos uma fogueira
Para não se apagar a chama
Que dá vida na noite inteira
 
Mensageira pomba chamada
Companheira da madrugada
Quando a noite vier que venha
Lá do cimo duma montanha
Onde o vento cortou amarras
Largaremos pela noite fora
 
Onde há sempre uma boa estrela
Noite e dia ao romper da aurora
Vira a proa minha galera
Que a vitória já não espera
 
Fresca brisa, moira encantada
Vira a proa da minha barca.
Zeca Afonso
ahcravo_DSC_7754 bw
 
25 de abril 2020_4

25 de abril 2020_4


ABRIL DE ABRIL
DSC_1475
Manuel Alegre
Era um Abril de amigo Abril de trigo
Abril de trevo e trégua e vinho e húmus
Abril de novos ritmos novos rumos.
Era um Abril comigo Abril contigo
ainda só ardor e sem ardil
Abril sem adjectivo Abril de Abril.
Era um Abril na praça Abril de massas
era um Abril na rua Abril a rodos
Abril de sol que nasce para todos.
Abril de vinho e sonho em nossas taças
era um Abril de clava Abril em acto
em mil novecentos e setenta e quatro.
Era um Abril viril Abril tão bravo
Abril de boca a abrir-se Abril palavra
esse Abril em que Abril se libertava.
Era um Abril de clava Abril de cravo
Abril de mão na mão e sem fantasmas
esse Abril em que Abril floriu nas armas.
ahcravo_DSC_1475 bw