postais do arroz (3)


do incerto
0 ahcravo_DSC6804

semear com saco e apoio de barca

não esperes colher
o que semeaste
colherás mais
colherás menos também
ou nada até se
semearás sem pensar
na colheita
dando o teu melhor
de ti dependes apenas
tu e o seres
sê pois o melhor
semeador
que a colheita seja
o que tiver de ser
é de sua natureza
ouviste falar do incerto
agora conhece-lo
(vinha da rainha; maio; 2019)

postais do arroz (2)


grão de arroz
0 ahcravo_DSC6877

a barca vai carregar com  sacos de arroz germinado, apoio ao semeado que a terra é grande

 
sou daqui
onde agora
 
as falas do mar
as falas da terra
são
as falas da gente
são eu nós aqui
 
sou daqui
onde agora
 
com palavras nos olhos
converso semeio colho
 
em terras alagadas sou
pela primeira vez
um grão de arroz
 
(vinha da rainha; barca; semear arroz; 2019)
postais do arroz (1)

postais do arroz (1)


a memória do arroz
0 ahcravo_DSC_7483

pelo alinhamento das estacas o arroz vai sendo lançado

as marés é que mandam
e venho do mar
o arroz é que manda
e a faina outra
a do semear artesanal
da barca da bóia do saco
do voo do arroz
pela mão lançado à água
à terra alagada
ao berço
borda do campo
porto godinho
amieira
vinha da rainha
um pouco por aqui andei
colhi onde semeavam
semeio agora
a memória do arroz
a minha
(borda do campo; 2019)