meditação à beira memória


da direita para a esquerda: horácio, cacilda, jorge e marco

da direita para a esquerda: horácio, cacilda, jorge e marco

tudo se repete
nada é igual

onde ficou quem fui
onde está quem sou

uma geografia de carne e osso
onde afectos desencontrados

um grão de areia
é tudo

se ao menos
o fora

(torreira; companha do marco;alar)

Anúncios

One thought on “meditação à beira memória

  1. Sigo este blog com muita atenção e interesse. As fotografias são estupendas e os textos um primor. A poesia diz-me muito e subscreveria muita dela.Parabéns.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s