zé trabalhito


zé trabalhito (falecido)

olho-te
procuro-me nas ondas

salpica-me o rosto
o sal
que me entranha o corpo

lágrimas por essa mãe
imensa
que ao mundo
me deitou

corre-me nas veias
sangue salgado
onde mergulham
peixes
e artes

a xávega sou eu

sou mar
sou homem
sou pescador

sou daqui

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s