biblioteca particular fernando pessoa


Os livros da Biblioteca Particular de Fernando Pessoa estão disponíveis gratuitamente online desde ontem à tarde no site da Casa Fernando Pessoa.
Até agora, só uma visita à Casa Fernando Pessoa, em Lisboa, permitia consultar este acervo que é “riquíssimo”, mas com o site, bilingue (português e inglês, e disponível em ( http://casafernandopessoa.cm-lisboa.pt ) em qualquer lugar do mundo, com uma ligação à Internet é possível consultar, página a página, os cerca de 1140 volumes da biblioteca, mais as anotações – incluindo poemas – que Fernando Pessoa foi fazendo nas páginas dos livros.

museu do território da gândara


MUSEU DO TERRITÓRIO DA GÂNDARA

Aberto ao público um novo espaço museológico em Mira

Ver para Crer….

E Ver para Querer!

Em terras devotas ao patrono São Tomé, o novo espaço museológico que interpreta, valoriza e convida a conhecer o território da Gândara manifesta-se como uma surpreendente viagem pelo Tempo e pelo património natural e cultural da região. Quem o visita será surpreendido pelas maravilhas escondidas pelos recantos da região e sairá, sem dúvida, com a vontade de palmilhar o território e as paisagens com um novo olhar e um querer bem, redobrado, ao património colectivo.

Tendo sido inaugurado no passado dia 28 de Julho, pode agora ser visitado de terça feira a domingo, no horário das 14:00 às 17:00 horas, com entrada gratuita.

Com os objectivos de valorizar todo o património cultural e ambiental da Região da Gândara, como factor de identidade e atractividade do território e de criar um novo serviço museológico na rede de equipamentos culturais da região, este espaço pretende ser uma nova abordagem museológica a estas terras e ao seu vasto património, suportado por inovadores recursos tecnológicos e multimédia, que potenciam a capacidade interpretativa e comunicacional, destacando-se numa linguagem atractiva e cientificamente validada.

Localizado na Av. 25 de Abril numa antiga escola primária, divide-se por duas áreas expositivas cujas temáticas são: o Tempo e o Homem e o Homem, a Terra e o Mar. Na primeira, o visitante pode fazer uma viagem pela História da Terra e do Homem, tendo como elementos principais o conglomerado de Mira, a evolução do Território, bem como um conjunto de achados arqueológicos que demonstram a importância destas terras. Na segunda zona expositiva podemos ver alguns dos aspectos etnográficos culturais mais emblemáticos como as Artes da Pesca de Arrasto, os Caretos da Lagoa, a Arquitectura e os materiais tradicionais (Palheiros de Mira e Casa Gandaresa com o fabrico artesanal dos adobes) ou a enorme biodiversidade deste território.

Sendo iniciativa e responsabilidade da Câmara Municipal de Mira, a obra de recuperação do edifício foi apoiada através de uma candidatura QREN e o projecto de concepção museográfica também foi financiado através de uma candidatura ao programa LEADER.

Desde já convidamos todos a visitar este belíssimo Museu!

é delas o verão


 

apanha de ameijoa à cabrita baixa

 

como se formigas
mergulham os corpos
na ria
as ancas em movimentos
rítmicos arrastam as cabritas
carregam ameijoa

os joelhos
a coluna
os braços
os ombros
envelhecem
endurecem
os joelhos esmagadas cartilagens

as formigas
são gente
as cigarras
assistem em terra ao espectáculo
esfregando as mãos
na multiplicação
dos lucros

com o suor dos outros
ergueram o império
é delas o verão

(ria de aveiro, torreira)