os moliceiros têm vela (287)


a  matemática da vida
(para o ti manel valas)

0 ahcravo_DSC_2087 bw

o moliceiro “manuel silva” do ti manel valas que, com o o zé pedro a timoneiro, ficou em 2º lugar

somar tudo
estar vivo é isso

a matemática
é simples

ao final da soma
chamam total

e subtraem-te

0 ahcravo_DSC_2087

o moliceiro “manuel silva” do ti manel valas que, com o o zé pedro a timoneiro, ficou em 2º lugar

(regata da ria; 2013)

 

Anúncios

“No Húmus” de rui miguel fragas: a apresentação


24129462_1999976146680973_3750971016304366819_n

em 1917 raul brandão publica a obra “Húmus”

em 1967, no cinquentenário da publicação de raul brandão, herberto helder publica o poema “Húmus” usando apenas palavras retiradas da obra homónima de raul brandão

em 2017, é a vez de rui miguel fragas publicar o livro “No húmus”, uma obra composta por 20 poemas em que “Todos os títulos dos 20 poemas que compõem este livro foram retirados dos 20 capítulos do Húmus de Raul Brandão, por ordem correspondente, segundo o texto da 3.ª edição (conforme edição Opera Omnia, 2017), uns literais, outros apócrifos …..

a minha opinião? li-o e reli-o, como todos os anteriores e dele digo como de todos: venham mais que autor temos

do lançamento deste livro, que decorreu no dia 2 de dezembro de 2017, na biblioteca municipal da figueira da foz, fica o registo possível.

Biografia

Rui Miguel Fragas, pseudónimo de António Rui Féteira, nasceu em São Miguel de Poiares (Coimbra). Licenciou-se em filosofia na Universidade de Coimbra.Publicou alguns poemas e contos nas revistas Alma Azul, Aeroplano e InComunidade.

Tem três de poesia publicados: “O Nome das árvores” (Poética Edições, 2014), “Não sei se o vento” (Poética Edições, 2015) “O rumor das máquinas” (UA Editora,Universidade de Aveiro, IV Prémio Literário Aldónio Gomes, 2015). Participou na antologia de poesia “As Vozes de Isaque, Derivações Poéticas a partir da obra O Último Poeta” (Poética Edições, 2016).

Em 2017 venceu a VII edição do Concurso de Poesia na Biblioteca (Condeixa-a-Nova) e publicou uma antologia de contos: “A última rodada” (Poética Edições, 2017).

“No Húmus” é o quarto livro de poesia, o primeiro em edição de autor.

(Nota do autor: Todos os títulos dos 20 poemas que compõem este livro foram retirados dos 20 capítulos do Húmus de Raul Brandão, por ordem correspondente, segundo o texto da 3.ª edição (conforme edição Opera Omnia, 2017), uns literais, outros apócrifos. Do resto escutei os ecos do Húmus de Herberto Hélder, material e regra)

5as de leitura, 8º aniversário


Rollup_Geral

8 anos de 5as de leitura e … maria do rosário pedreira leva-nos a conhecer os homens por detrás dos livros – joão de melo e mário cláudio.

ouvir os escritores falarem de si, mais do que da sua obra, das pequenas coisas que os tornaram grandes é uma viagem para que vos convido.

por princípio não faço cortes nos meus registos, fá-los-ão os que acharem que os devem fazer, onde por bem entenderem. porque todos somos diferentes, que cada um decida do que seu quer fazer.

a mim coube-me apenas registar, com o que o equipamento que possuo, mais um momento de enriquecimento daquilo a que chamamos: saber.

biografia dos escritores

joão de melo

biografia e bibliografia

http://alfarrabio.di.uminho.pt/vercial/jmelo.htm

mário cláudio

biografia

http://www.dglb.pt/sites/DGLB/Portugues/autores/Paginas/PesquisaAutores1.aspx?AutorId=11425

bilbiografia

https://www.portaldaliteratura.com/autores.php?autor=73

 

o vídeo

 

postais da ria (230)


escrevo-me aqui

a certidão de nascimento
diz onde nasci nada mais

tenho um endereço
uma rua um número de porta
um andar um espaço
onde correio recebo e durmo

escrevo minha gente
e encontro-a em qualquer geografia
se de injustiça vítimas forem

a minha terra é uma aldeia
onde de centenárias raízes
bebo a água dos dias por haver

escrevo-me aqui

0 ahcravo_DSC_4941 s

(torreira; s. paio; 2017)