postais da ria (393)


a lama dos dias

lembrados sereis
pelo que não fizestes

fracos heróis
tendes o tamanho da vossa ausência

impossível desfazer o nó 

ao valor do homem
sobrepôs-se o valor das coisas
sinal dos tempos digo

sabedoria antiga de aldeia 
nos meus ouvidos soa
vós é que sabeis

sobre vós a lama no nome

morreu otelo nuno romão saraiva de carvalho


muitos terão tido a ideia, alguns terão dado conteúdo ideológico, outros contribuído com a acção, mas só um tornou possível a concretização, através de um brilhante trabalho de planeamento e logística, otelo.

se o 25 de abril teve um herói e um líder foi otelo nuno romão saraiva de carvalho

https://www.record.pt/fora-de-campo/detalhe/morreu-o-capitao-de-abril-otelo-saraiva-de-carvalho
otelo!
nuno!
romão!
saraiva de carvalho!

era este o poema musicado
que corria pelas ruas
brotava das bocas que o sonho alimentava

no sonho que a memória
não deixa morrer
aos que não esquecem
nunca deixarão de ser

otelo!
nuno!
romão!
saraiva de carvalho!