recriação da xávega, espinho 2013


os fotógrafos, horácio graça e manuel oliveira

os fotógrafos, horácio graça e manuel oliveira

quando se fala em recriação da xávega o imaginário enche-se sempre com imagens das juntas de bois que, não muitos anos, puxavam bois e barcos.

foi essa aproximação ao passado que se renovou no dia de s. pedro em espinho.

muitos foram os amantes da fotografia que vieram registar a recriação que, por mais defeitos de aproximação que possa ter, é sempre um momento de forte emoção.

 

ahcravo_DSC_3819 ahcravo_DSC_3820 ahcravo_DSC_3825 ahcravo_DSC_3827 ahcravo_DSC_3832

a minha gente


 

vêm de longe
de onde a fronteira entre luz
e sombra
era ainda o princípio de tudo
de ti de mim de nós
como se parados no tempo
são o próprio tempo
esperando ser mais tempo ainda

vê-los é entrar em casa
sem nunca ter saído
as manhãs são aqui infinitas
têm a dimensão da memória
aconchegada no regaço
da mãe-terra

vêm de longe
permanecerão para sempre
são a minha gente

 

para ver:

 

 

parceria jorge bacelar (vídeo e fotos)/ahcravo (palavras)