crónicas da xávega (370)


basta

xávega; arribar; torreira; 2016
 há tanto para dizer
 e são tão poucas as palavras
 
 resumo-me ao fazer
 ao saber que se quisermos
 faremos e seremos
 
 digo basta e tu sabes  
 que outra palavra por detrás
 
 digo basta e dói-me
 esta gente desiludida  
 a votar no engano  
 
 há tanto para dizer
 não basta escrever  
 não outra vez não
 
 basta
 
 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s