os moliceiros têm vela (55)


das palavras

uma imagem centenas de vezes repetida, mas que nunca cansa

uma imagem centenas de vezes repetida, mas que nunca cansa

gastar as palavras
como se coisas de uso
gastá-las de tanto

gastar-me com elas
ser palavra
sem palavras para

ser o espaço em branco
ou as reticências
seria o destino perfeito

ponto final parágrafo

um moliceiro que se preza é assim

um moliceiro que se preza é assim

(murtosa; regata do bico; 2007)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s