filhos da terra


 


habitam o silêncio
com a naturalidade das flores
por debaixo do sol

são

abrem caminhos que nunca
percorrerão
fazedores de tanto
com pouco se sabem por aí

deles dizem
“o país profundo”
sem eles pergunto-vos:
que país?
que mundo?

uma nota breve
no jornal da terra
tarja negra
uma sineta pelas ruas
um nome a quem pergunta
isso são

até lá
bebem o sol
habitam o silêncio

Poema de ahcravo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s