postais da ria (235)


pode ser o fim de

0 ahcravo_DSC_0044 s bw

depois dos homens
muito depois
ficarão os destroços

memórias limpas
de ter havido gente
que fez barcos e filhos
pescou e disso viveu

procurarão então
rostos e histórias
mas será tarde

como sempre
quando ser de hoje
não é ser os seus

não estarás cá
para ouvir os lamentos
nem isso vales

0 ahcravo_DSC_0044 s

(algures na ria de aveiro; num tempo a haver)

Anúncios