postais da ria (355)


os amigos de
0 ahcravo_DSC7967

torreira; jim; safar redes; 2019

 
sentava-me à mesa do café
lia poesia
 
os meus poetas à minha mesa
falavam-me
 
eu era jovem e o tempo imenso
 
sentava-me à mesa do café
sem urgências
 
as de agora com tanta fome
dos amigos de então
 

postais da ria (353)


o gesto
0 DSC_2645a

torreira;zé de gaia; 2017

suspenso o gesto
como o tempo
confinado
adiado
suspenso o tempo
o gesto
amanhã porque
haverá um amanhã
onde sempre nem todos
mas os que por enquanto
esperarei o momento
de suspensão da suspensão
ser ainda depois de
até que
porque nunca suspenso
o tempo
silencioso continua
o gesto será ou não meu
mas será sempre

postais da ria (347)


inté
0 ahcravo_DSC_8446 s bw

torreira; 2016

 
um dia
quando eu morrer
vão-te dar uns dias
para estares comigo
 
mas
eu já não estarei
fui-me
 
aproveita esses dias
para estares contigo
não me inventes
nem te reinventes
aproveita o que te dão
pai não morre todos os dias
 
é tarde
são quase horas
de ir lanchar
 
inté