quando o mar trabalha na torreira_os bois


junta de bois com canga vareira

 

esplêndidos
possantes
dorsos rebrilhando ao sol
somos da arte a força

irmãos das ondas
a nossa energia esgota-se
na praia

tensas cordas
esforço nosso

curvados
ao peso do mar
na areia mergulhamos
duros cascos fendidos

descansamos quando
redes
homens
barco
cordas

 

(torreira, século XX)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s