“Epitáfio de Domingo” de cláudia r sampaio


ahcravo_DSC_5594_quase_epitáfio de domingo

mais uma produção dos estúdios quase

biografia
 
cláudia r sampaio nasceu em lisboa, onde vive com duas gatas (Polly Jean e Aurora), é artista residente do projecto MANICÓMIO
 
bibliografia
 
Os dias da Corja
A primeira urina da manhã
Ver no escuro
1025 mg
Outro nome para a solidão
Já não me deito em pose de morrer

“Amanhã é o primeiro dia de inverno” de sandra costa


ahcravo_DSC_5594_quase_inverno_sc

“Amanhã é o primeiro dia de inverno” de sandra costa, é o último poema do livro “Boletim meteorológico”
biografia
Sandra Costa nasceu em S. Mamede de Coronado, concelho da Trofa, a 11 de Setembro de 1971. Licenciada em História, Ramo Educacional, pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (1994), possui o Mestrado em História Contemporânea (2006), sendo professora de História do Ensino Básico e Secundário desde 1993.
obra publicada
Tem seis obras de poesia publicadas: Sob a luz do mar. Porto: Campo das Letras, 2002; Nada se sabe das profundezas. Porto: In-libris, 2003; Nenhuma Flor. Oito imagens e o dizer dos lábios. Belgais e In-libris, 2004; A vocação dos homens silenciosos. Maia: Cosmorama, 2006; UNTITLED, volta d’mar, 2017 e Boletim Meteorológico, volta d’mar, 2020.

excerto de “pai não abra já essa porta” de manuel silva-terra


ahcravo_DSC_5594_quase_mst1

autobio
 
Nasceu no século passado numa aldeia da Beira Baixa, de parto natural feito em casa. A infância é o seu Paraíso. Frequentou o liceu de Castelo Branco, onde ganhou consciência política. Em Coimbra desenvolveu a consciência estética e começou a publicar, em Coimbra, nos Cadernos do 40, a poesia que escrevia às escondidas. A partir de então é um poço de vivências conscientes e inconscientes que procura sempre depurar no sentido de uma maior compreensão, aceitação de si e do mundo, e desenvolvimento de ligação da teoria à prática. Por isso, a poesia é acção.
 
biliografia essencial
 
Com a Língua na Orelha
Os Três Primeiros Cadernos
Calafrio
Paisagens (em colaboração)
O Livro da Ignorância
Campos Magnéticos
Pai,Não Abra Já Essa Porta
)Condomínio(
O Que Sobra
Lira
Pastor de Pedras
Canto Chão
Ser Casa
Medula

 

 

 

rui spangler nas terças com poesia


82056790_868455976945888_5139227007330025472_o
no dia 4 de fevereiro de 2020, teve lugar mais uma “terças com poesia”, na biblioteca municipal da figueira da foz.
 
este mês com a presença de rui spangler
 
do evento ficam dois apontamentos
 
espero que gostem, como eu gostei