a regeira e o bordão


 

 

 

ana amaral e alfredo neto

ana amaral e alfredo neto

nos barcos que se fazem ao mar apoiados por uma muleta de apoio simples, no golfião de estibordo (norte) é amarrada uma corda, chamada na torreira de “regeira”, que faz fixe à proa e é amarrada a um bordão espetado na praia e seguro por um dos camaradas.

este fixe impede que as correntes de norte virem a proa do barco para sul, deixando de estar perpendicular à ondulação criando uma situação de perigo. para isso tem de ser mantida tensa recorrendo a mudanças de posição do bordão.

concluído largar o homem da proa larga a regeira que é recolhida pelo camarada de terra e levada para sítio seguro.

em 2010, lembro-me, o ti alfredo neto era o homem de terra da regeira.

a carregar a regeira vão a ana amaral e o ti alfredo neto.
(torreira; companha do marco;

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s