nada sou


 

 

 

ainda havia um bando de cisnes em 2011, cada vez menor

ainda havia um bando de cisnes em 2011, cada vez menor

venho de muito longe
de onde os meus de perdem
na memória de terem sido
por serem diminutos na sua grandeza
homens e mulheres da ria e do mar

venho de muito longe
não estranhes por isso o meu cansaço
o desalento
as velas pandas
sem ventos de sonho
prenhes de memórias apenas

nada sou
que importa de onde venho
trago-te estes momentos
porque

são grandes de mais
só para mim

 

(regata da ria; torreira; 2011)

recriação da xávega com bois, praia da vagueira, 2008


 

 

é duro, é muito duro, arrastar um barco, mesmo se pequeno

é duro, é muito duro, arrastar um barco, mesmo se pequeno

 

a praia divulgada no livro “safra”, hoje indisponível nas livrarias, que constitui uma referência foto jornalística sobre xávega, dando a conhecer com detalhe a safra da companha do joão da murtosa.

em 2008, estava eu a fotografar na praia de mira, quando me disseram que ria decorrer uma recriação na vagueira com juntas de bois.

assim o ouvi, assim fui.

recriação com alguns momentos muito bons, mas com outros, já o disse que foram pura diversão sem recriação.

este é um momento de recriação. já mostrei outros e ainda mais aqui virão

 

(praia da vagueira; 2008)