palavras


 

 

orvalhadas

palavras

entre os teus dedos

(sente-as)

 

uma brisa

levá-las-á

para o mar

(deixa-as)

 

sobre as ondas

poisarão

imaculadas

em bando

(olha-as)

 

será este

o poema

que nunca escreverás

(lê-o)

One thought on “palavras

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s