estranha forma de pensar cultura


regata torreira-aveiro, 2011

 

 

o vento

o norte pai dos dias quentes

da costa ocidental

nesse dia

não se fez sentir

 

lentos os barcos

sulcaram a ria

sem pressas de tempo

como se dele não soubessem

 

horas muitas

quase noite

quando a aveiro chegaram

mal sabiam então

que no ano seguinte

seria noite

logo pela manhã

e a regata

a regata

seria negra

 

que este é um país

onde se enterram os vivos

por ser mais fácil

cuidar dos mortos

 

chamam-lhe alguns

cultura