crónicas da xávega (228)


até um dia

como se um filho
a rede nos braços

a vida ganha-se
não é oferecida
a mim não

a areia sob os pés
cede prende
pesados passos

o sol ainda não
e o arrais
deu ordens de mar
chego

chego e faço minha
esta praia
onde venho ao mar
buscar o pão

até um dia

0 ahcravo_ DSC_5575 s

(torreira; 2012)

Anúncios

os moliceiros têm vela (287)


a  matemática da vida
(para o ti manel valas)

0 ahcravo_DSC_2087 bw

o moliceiro “manuel silva” do ti manel valas que, com o o zé pedro a timoneiro, ficou em 2º lugar

somar tudo
estar vivo é isso

a matemática
é simples

ao final da soma
chamam total

e subtraem-te

0 ahcravo_DSC_2087

o moliceiro “manuel silva” do ti manel valas que, com o o zé pedro a timoneiro, ficou em 2º lugar

(regata da ria; 2013)

 

postais da ria (133)


parabéns amélia

SONY DSC

o silêncio ouve-se

um alarme soou
no telemóvel
a minha memória
depende dele

mas
hoje não te telefono
sei que não atendes
não atenderás mais

escrevo-te
ouço-te vejo-te
resistes
com a energia
que só tu

“por favor
não me ponham de baixa”

não
não foste tu que desististe
tu nunca desististe de nada
foi a vida que desistiu de ti

parabéns amélia
quero que saibam
que hoje fazes anos

SONY DSC

um postal para a amélia

(torreira)